O PARALÍTICO

— O PARALÍTICO —

14. Tendo entrado numa barca, Jesus atravessou o lago e veio à sua cidade (Cafarnaum). Como lhe apresentassem um paralítico deitado em um leito, Jesus, vendo a sua fé, disse ao paralítico: “Meu filho, tem confiança; os teus pecados te são perdoados.”

Logo alguns escribas disseram entre si: “Este homem blasfema.” Mas Jesus, sabendo o que eles pensavam, perguntou-lhes:

“Por que alimentais maus pensamentos em vossos corações? Pois, o que é mais fácil, dizer: Teus pecados te são perdoados, ou dizer: Levanta-te e anda? Ora, para que saibais que o Filho do Homem

tem na Terra o poder de perdoar os pecados: Levanta-te, disse então ao paralítico, toma o teu leito e vai para a tua casa.”

O paralítico levantou-se imediatamente e foi para a sua casa. E o povo, vendo aquele milagre, se encheu de temor e rendeu graças a Deus, por haver concedido tal poder aos homens.

(Mateus, IX: 1 a 8.)

15. O que podiam significar estas palavras: “Teus pecados te são perdoados” e em que elas podiam servir para a cura? O Espiritismo apresenta a explicação dessas, assim como de uma infinidade de outras palavras, até hoje incompreendidas. Ele nos ensina, pela lei da pluralidade das existências, que os males e as aflições da vida são muitas vezes expiações do passado, e que nós sofremos na vida presente as consequências das faltas que cometemos em uma existência anterior, sendo as diferentes existências solidárias umas com as outras até que se tenha pago a

dívida dessas imperfeições.

Se, portanto, a enfermidade daquele homem era uma punição pelo mal que ele havia cometido, a afirmação de Jesus: “Teus pecados te são perdoados” equivalia a dizer-lhe: “Pagaste a tua dívida; a causa da tua enfermidade desapareceu por causa da tua fé e assim sendo mereces ficar livre dela.” É por isso que Jesus disse aos escribas: “É tão fácil dizer: teus pecados te são perdoados, como dizer: levanta-te e anda.” Cessada a causa, o efeito

tem que cessar. É exatamente o caso do preso a quem se diz: “O teu crime está expiado e perdoado,” o que equivaleria a dizer: “Podes sair da prisão.”

A Gênese – XV – Itens 14 e 15 – Allan Kardec

INSCREVA-SE no Gênese Canal Youtube

Dê um like no vídeo

e ajude a COMPARTILHAR

https://www.youtube.com/c/Gênesewebcanalespírita

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.